Tipos de Investimentos Financeiros: Guia Completo - Ver e Fazer

Site de ideias criativas



Tipos de Investimentos Financeiros: Guia Completo


Confira esse Tipos de Investimentos Financeiros: Guia Completo para fazer em casa

  Tipos de investimento: um guia completo para você aprender onde e como investir


 


Atualmente, existem vários tipos de aplicações financeiras destinadas a uma ampla gama de investidores.

 Educação Financeira: Tipos de Investimentos Financeiros: Um Guia Completo

O mercado financeiro oferece opções muito interessantes para quem busca administrar melhor suas finanças, como a obtenção de uma renda adicional ou o planejamento para a aposentadoria.


Continue lendo este artigo para saber mais sobre os tipos de investimentos existentes.


Tipos de investimentos financeiros: o que são?

Aqui estão algumas opções de investimento nacional e internacional:


  • Tesouro selic
  • Certificados de Depósito Bancário (CDB)
  • Procedimentos
  • Títulos
  • Fundos imobiliários
  • Câmbio monetário
  • Derivados
  • ETF
  • Investimento internacional
  • LCI
  • CDB
  • Fundos de renda fixa DI
  • Fundos de renda fixa associados ao CDI
  • Tesouro Direto
  • Fundos de ações
  • Investimento público
  • Investimentos de renda fixa

Em primeiro lugar, essa categoria de investimento tem um retorno previsível sobre o investimento. Os investimentos em renda fixa podem ser fixados na forma de percentual mensal ou seguindo um indicador específico, como a taxa Selic.


Esse tipo de investimento financeiro funciona como um empréstimo do seu dinheiro à fonte e, em troca, você obtém uma taxa fixa (pré-determinada no momento da compra).


Tesouro Selic

Tesouro Inteligente é um título fixo emitido pelo Tesouro Nacional. Na verdade, é um empréstimo de dinheiro de um investidor ao governo federal por um determinado período. Assim, em troca desse empréstimo, ele recebe uma taxa de juros correspondente ao retorno.


Certificados de Depósito Bancário (CDB)

Com a ajuda do CDB, os bancos podem levantar dinheiro, ou seja, quem investe no CDB faz um empréstimo ao banco e no final do período acordado recebe os juros do empréstimo.


Dependendo do tipo de contrato, o dinheiro pode ser recuperado antes do período acordado. Ou seja, a rentabilidade dos CDBs varia em função dos recursos “tomados” e dos termos do contrato, que podem ser fixados antecipadamente ou após sua fixação.


Procedimentos

Investir em ações


Os estoques são a menor parte da empresa, então você pode comprar uma pequena parte de empresas maiores.


Quando um investidor compra uma participação, ele se torna sócio da empresa, e sua participação é determinada pela quantidade de ações adquiridas.


Essas ações são negociadas em bolsas e os preços são determinados pela oferta e demanda. Os acionistas podem ganhar dinheiro recebendo dividendos ou vendendo ações.


Títulos

Tal como acontece com o Banco de Desenvolvimento da China, neste investimento financeiro, uma pessoa "toma dinheiro emprestado". A diferença é que é para instalações privadas.


Ou seja, quando uma empresa deseja aumentar o capital ou financiar um projeto, ela pode emitir títulos de dívida ou títulos.


Ao investir em obrigações de dívida, uma pessoa recebe juros sobre a dívida emprestada.


Tipos de investimentos financeiros de renda variável

Quanto custa o investimento


Com esse tipo de aplicação financeira, os ativos não têm retorno previsível, ou seja, é impossível saber quanto dinheiro a receita trará antes da data do reembolso.


Fundos imobiliários

Os fundos de investimento imobiliário são investimentos que, como o nome indica, são feitos no setor imobiliário.


Eles podem ser categorizados principalmente como fundos brick, ou seja, aqueles com propriedades físicas (como shopping centers, edifícios comerciais e hotéis) ou fundos de papel nos quais o capital é gerado por meio de investimentos financeiros do setor imobiliário.


Câmbio monetário

Com este tipo de aplicação financeira, o investimento é feito em ativos que estão atrelados a moeda estrangeira. Eles geralmente atuam como uma proteção contra flutuações em moedas como o dólar e o euro, e também podem se beneficiar da volatilidade positiva dessas moedas.


Derivados

Para começar a entender, esses são investimentos nos quais seus ativos financeiros e de investimento têm um valor derivado de outro tipo de ativo, que pode ser ações, moedas, taxas de juros ou um índice de mercado. Portanto, seu preço dependerá inteiramente do desempenho desses outros ativos.


Freqüentemente, eles são usados ​​como proteção e alavanca.


ETF

ETF significa Exchange-Traded Funds e representa ETFs e fundos negociados em bolsa.


Isso se reflete em índices de mercado, como o índice IBOFESPA. Portanto, seu desempenho geral é igual ao de seu índice de referência.


Investimento internacional

Segundo o banco central, "investimento estrangeiro" ou investimento internacional é a aquisição de ações em empresas estrangeiras. Podem ser formalizados com BDRs (Brazilian Depository Receipts).


Entre os investimentos internacionais mais populares estão as bolsas de valores dos Estados Unidos. As mais importantes são a NASDAQ (National Association of Automated Rates of Stock Traders) e a NYSE (New York Stock Exchange).


Nasdaq

Essa bolsa foi criada em 1971 a partir de estudo do Congresso dos Estados Unidos, que defendia a regulamentação e a transparência das transações financeiras, mas com controle eletrônico das negociações.


Entre seus ativos estão empresas como Apple, Starbucks, Netflix, Facebook, Google e Amazon.


NYSE

Investimentos no exterior


A Bolsa de Valores de Nova York é a maior do mundo e existe desde 1817 na famosa Wall Street.


Na Bolsa de Valores de Nova York, as transações ocorrem por meio do mercado de leilões, no qual os clientes compram e vendem títulos entre si. Seus ativos incluem Johnson & Johnson, Walmart Inc e The Coca Cola Company.


Tipos de investimentos de curto prazo

Os tipos de aplicações financeiras de curto prazo são aqueles que possuem um payback de até dois anos.


LCI

LCI significa títulos hipotecários e é um investimento de renda fixa emitido por bancos. Eles, por sua vez, utilizam esse atrativo recurso para financiar atividades no setor imobiliário e, como receita, o investidor recebe uma taxa anual de retorno.


CDB

Como explicamos anteriormente, os CDBs são títulos emitidos por bancos, no momento da aquisição a pessoa toma um empréstimo para si e no final do período acordado recebe os juros do empréstimo.


Fundos de renda fixa DI

Os fundos dessa modalidade devem investir pelo menos 95% de seus ativos em títulos públicos vinculados à SELIC.


Assim, como a maior parte desse dinheiro está aplicada em notas diretas do Tesouro atreladas à Selic, sua remuneração costuma ficar em torno de 100% do CDI.


Mas é importante ressaltar que essa receita está passando por ajustes de custos e taxas de administração.


Tipos de investimentos de longo prazo

Investimentos de longo prazo


Nesta categoria de aplicações financeiras, os fundos só podem ser recuperados após três anos ou mais. Em alguns casos, é possível se recuperar antecipadamente, mas o investidor não conseguirá 100% do total.


Tesouro Direto

Tesouro Direto são títulos públicos de renda fixa emitidos pelo Tesouro Nacional.


Podem ser pré-fixados (tendo uma taxa de retorno fixa), mistos (relacionados à inflação, com uma taxa de retorno composta por uma parcela fixa e uma variável), ou pós-fixados (os investimentos estão atrelados a um indicador econômico específico, por exemplo, a Selec taxa ou IPCA).


Fundos de ações

Os fundos dessa modalidade devem possuir 67% do capital investido em bolsa de valores e ser administrados por profissional responsável pela distribuição das cotas de cada acionista.


Tipos de investimentos financeiros públicos

Investir em um fundo perdedor

Em primeiro lugar, nesse tipo de aplicação financeira, que geralmente é feita pelo Estado, ela não tem como objetivo devolver o valor investido. Seu objetivo é melhorar as condições da população de baixa renda por meio da construção de moradias populares, saneamento básico, obras de infraestrutura e muito mais.


Investimento independente

Os investimentos independentes estão associados aos investimentos em atividades de inovação tecnológica.


Atrair investimentos

Este investimento é uma aplicação para expandir as instalações de produção existentes. Em outras palavras, quando o crescimento econômico acelera, o investimento induzido também aumenta para que os empresários possam ajustar a capacidade produtiva.


Investimento estrangeiro

Esses investimentos referem-se à aquisição de empresas, equipamentos, instalações fabris, estoques ou interesses financeiros em um país por investidores de outros países.


Pode ser direto quando aplicado na constituição de novas empresas ou em empresas existentes, e indireto quando aplicado na forma de empréstimos e financiamentos de longo prazo.


Conclusão

Portanto, como poderíamos ter entendido no contexto deste artigo, são inúmeras as oportunidades de investimento, cada uma com suas peculiaridades e finalidades.


Quem deseja começar a investir no mercado financeiro deve aprofundar seus conhecimentos explorando esses tipos de investimentos e, então, poder decidir qual opção é mais adequada para o seu perfil.


Para saber mais sobre como investir no mercado de ações, confira: Stock Market Investing For Beginners: A Practical Guide!





Gostou do Tipos de Investimentos Financeiros: Guia Completo Compartilhe com seus amigos.

Deixe seu comentario

/ / /